Ministério Público da União Intranet
Sobre o MPT Fale Conosco
Rodovias têm 2 mil pontos propícios à exploração sexual infantil

Nov 21, 2014

Mapeamento da PRF realizado em parceria com instituições como OIT e MPT será lançado nesta terça (25)


Brasília – As rodovias federais têm 1.969 pontos vulneráveis à exploração sexual de crianças e adolescentes, entre eles 566 considerados críticos. Os números estão na sexta edição do projeto Mapear, realizado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em parceria com a Organização Internacional do Trabalho (OIT), a Childhood Brasil, a Secretaria de Direitos Humanos e o Ministério Público do Trabalho (MPT). Na próxima terça-feira (25), a PRF divulgará, em Brasília, os dados completos desta edição do projeto, que tem como objetivo viabilizar um trabalho articulado de prevenção à prática e proteção à criança e ao adolescente.

Do total de locais identificados no sexto mapeamento, a região Sudeste teve o maior número de pontos de vulnerabilidade, com 494 áreas. Em segundo apareceu o Nordeste, com 415 pontos propícios à exploração sexual de crianças e adolescentes. A região Sul teve 333, o Centro-Oeste, 392 e a região Norte, 160.

São considerados pontos vulneráveis ambientes ou estabelecimentos em que agentes da PRF encontram condições favoráveis à exploração sexual de crianças e adolescentes. Entre eles estão a presença de prostituição de adultos, falta de iluminação e de vigilância privada, locais costumeiros de parada de veículos e consumo de bebida alcoólica.

O coordenador nacional de Combate à Exploração do Trabalho da Criança e do Adolescente (Coordinfância) do MPT, Rafael Dias Marques, ressaltou a importância do projeto. “À medida que identifica os pontos de suscetibilidade da exploração sexual infantil, essa já reconhecida iniciativa da Polícia Rodoviária Federal subsidia a atuação do MPT.”

Projeto Mapear – O projeto Mapear foi criado há 12 anos e busca ampliar e fortalecer ações de enfrentamento à violência sexual contra crianças e adolescentes por meio da realização e atualização dos pontos vulneráveis ao longo das rodoviárias federais no país. Em 2009, a Childhood Brasil propôs à PRF a adoção de critérios e indicadores de vulnerabilidade que permitissem maior grau de consciência dos dados colhidos nas rodovias, garantindo maior eficiência nas ações de prevenção.


Serviço:
Data: 25 de novembro
Horário: 11h30
Local: Centro de Convenções Antonio Félix – auditório principal
           Polícia Rodoviária Federal
           SPO Área Especial – Complexo Sede – Brasília – DF


Informações:
Procuradoria-Geral do Trabalho
Assessoria de Comunicação
(61) 3314-8233

Documentos relacionados